Ir para o conteúdo

Publicidade.

Pela primeira vez na história, a produção de milho em Canarana poderá ser parecida ou até ultrapassar a quantidade de soja colhida no município. Além disso, se o clima colaborar na segunda safra, ambas as culturas, pela primeira vez, podem ultrapassar a barreira de um milhão de toneladas de produção cada uma. O levantamento foi feito pela AGRNotícias, com base na produtividade divulgada pelos produtores locais.

Descarga de soja em Canarana; Foto – AGR.

Conforme o IBGE, Canarana plantou na safra 2021/22, 320 mil hectares com soja. As previsões mais conservadoras dizem que a área girou em torno de 305 mil. Já a produtividade, pelo Imea, foi de 63 sacas por hectare na região. Porém, os produtores dizem que a média geral deve ter ficado em 55 sacas no município. Se pegarmos a maior previsão de área e a menor de produtividade, a produção em Canarana seria de 1,05 milhão de toneladas de soja.

LEIA MAIS – Quais os dez municípios que mais produzem soja no Brasil?

Para o milho, a previsão da Secretaria Municipal de Agricultura é que o grão ocupou entre 150 e 170 mil hectares na atual safra em Canarana. Pelo Imea, a produtividade estimada está em 103 sacas por hectare. Já os produtores locais estimam, se o clima ajudar, colher em média 100 sacas. Novamente, pegando a maior estimativa de área e a menor de produtividade, serão colhidos 1,02 milhão de toneladas de milho em Canarana na safra 2022.

A tendência para os próximos anos, conforme o Sindicato Rural de Canarana, é que o município alcance uma área de até 400 mil hectares com soja e mais de 220 mil hectares com milho. Se esses números se confirmarem e a produtividade continuar nos patamares dos números atuais, o município deve colher 1,32 milhão de toneladas de soja e exatamente 1,32 milhão de toneladas de milho.

Por Rafael Govari para AGRNotícias.

Deixe uma resposta

Role para cima
%d blogueiros gostam disto: