Ir para o conteúdo

Na divisa com o estado do Pará, o município mato-grossense de Vila Rica possui o sétimo maior rebanho bovino do estado. Com uma força significativa na pecuária, o município também tem se fortalecido na agricultura, e atualmente conta com quase 55 mil hectares de área plantada, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)

O Sindicato Rural local e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) têm auxiliado na capacitação da mão de obra dessa nova fonte de economia. Para o próximo quadrimestre estão programados nesta área, treinamentos de operação de colheitadeira de grãos, operação de tratores agrícolas, classificação de produtos de origem vegetal – soja e milho, e secagem de grãos.

Segundo o presidente do Sindicato Rural de Vila Rica, Anísio Vilela Junqueira Neto, mais conhecido como Netão, como a agricultura está em estágio inicial no município há muita busca por capacitação. “O pessoal está se preparando para desenvolver a agricultura, principalmente na parte de grãos”.

Ainda de acordo com o gestor, a expectativa é que após a pandemia haja ainda mais oportunidades de capacitação. “Temos que nos proteger neste momento, mas estamos ansiosos pelo fim da pandemia, quando poderemos colocar vários projetos em ação”.

Zoneamento deve travar logística de Mato Grosso e impedir crescimento do Estado

Uma das ideias é ampliar a oferta de capacitação para o trabalhador do campo. “Geralmente, um pedreiro da cidade não quer ir para o campo, por isso, temos que capacitar os trabalhadores rurais para diversos tipos de trabalho”.

Fonte: Assessoria de Imprensa/ Senar-MT.

Deixe uma resposta

Role para cima
%d blogueiros gostam disto: