Ir para o conteúdo

Um novo caso de raiva bovina foi diagnosticado no município de Nova Nazaré MT. O alerta é do Escritório Regional do Indea – MT (Instituto de Defesa Agropecuária) em Água Boa – MT. Trata-se de um bovino de uma propriedade na MT-326, estrada para o município.

Produtores de leite do Araguaia falam em suspender entregas a laticínios após queda no preço pago

Diante desse quadro, as propriedades próximas ficam alertadas de que devem vacinar seus animais contra a raiva e comunicar o Instituto. A descoberta de animais sintomáticos também deve ser feita com urgência ao Indea para fins de coleta de material e diagnóstico. Os produtores rurais também podem comunicar ao Indea a descoberta de abrigos de morcegos hematófagos, que são os principais transmissores da raiva aos bovinos e equinos.

Sobre a raiva Bovina

O vírus, no ambiente urbano, é propagado por cães e gatos. Já no meio rural, pelo morcego. A raiva é uma zoonose e o principal transmissor nos herbívoros é o morcego hematófago da espécie “Desmodus rotundus”, que contaminado pelo vírus, elimina o micro-organismo pela saliva nos bovinos. O Indea é o órgão responsável pelo programa estadual de controle da raiva em herbívoros, procedendo com a fiscalização de propriedades, captura e tratamento do morcego hematófago, como forma de diminuir a população do transmissor. A doença não tem cura ou tratamento. Uma vez contaminado, o animal vai a óbito, justificando o cuidado no manejo do rebanho.

Como é a doença no gado?
* Andar cambaleante
*Paralisia das pernas traseiras e dianteiras
*Prostração e por fim a morte
*Alguns animais parecem que estão engasgados mas na verdade já é a manifestação da doença. Não coloque a mão!
*Agressividade
*Salivação excessiva

Para AGRNotícias, Inácio Roberto. Foto capa: AGR,

Deixe uma resposta

Role para cima
%d blogueiros gostam disto: