Ir para o conteúdo

O preço da carne suína teve forte recuo entre o fim de maio e o início de junho e, com isso, a competitividade da proteína em relação às suas principais concorrentes, a carne de frango e bovina, cresceu na primeira quinzena do mês, informa o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), em relatório. Além disso, acrescenta o centro de estudos, a distância de preços entre a carne suína e a bovina bateu recorde.

Leia Mais
Role para cima