Ir para o conteúdo

Produtores Rurais de todo o Brasil, bem como empresários, caminhoneiros e apoiadores do Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, vão se reunir em uma manifestação no próximo sábado (15/05) em Brasília – DF. O ato faz parte do ‘Movimento Brasil Verde Amarelo’ que vem tendo adesão expressiva da classe rural do país.

Produtores de todo o Vale do Araguaia também participarão do ato, e caravanas estão sendo organizadas para a viajem até a capital do país.  O Presidente Jair Bolsonaro confirmou, em declaração numa live do dia 06.05 que irá comparecer na manifestação. Até o momento, há relatos de mais de 200 caravanas organizadas para a manifestação.

Bolsonaro vai participar de manifestação de produtores rurais no dia 15

O manifesto, que é organizado como pacífico, tem como pauta, conforme cartazes e mídias veiculadas em redes sociais, o pedido de “fim das políticas de lockdown”, a “verdadeira democracia com voto impresso e auditável”, bem como por um “Supremo Tribunal decente e um Senado ativo”. Uma carreata está marcada no sábado pela manhã e a manifestação na Esplanada dos Ministérios, pela tarde.

adesivo manifestação 15.05

Cada município está organizando a logística para a ida à manifestação. Para informações sobre as caravanas, os interessados devem procurar as lideranças setoriais de seu município.

Em Água Boa – MT, conforme o Presidente do Sindicato Rural, Geraldo Delai, um ônibus levará parte dos manifestantes. “Nós arrumamos um ônibus que vai levar o pessoal de Agua Boa. {…} Acredito que também irá umas oito camionetes daqui também pra lá. Estamos mobilizados! Sairemos de tarde na sexta-feira pra chegar lá umas 5h da manha no sábado, pra nos encontrar (com as demais caravanas). Sairemos em carreata e iremos até o local da manifestação.

Em Canarana – MT, o Presidente do Sindicato Rural, Alex Wish, estima que 100 pessoas, entre produtores, comerciantes e sociedade em geral, devem se deslocar à capital. “Não há um organizador oficial, mas sim apoiadores. O Sindicato é um apoiador, por acreditar ser um movimento legítimo em defesa da nossa Soberania. Estaremos lá defendendo o voto admirável, segurança jurídica, um alinhamento entre os poderes e um STF (Supremo Tribunal Federal) que atue em prol do povo” salientou Alex.

Em Gaúcha do Norte – MT, o Presidente do Sindicato Rural, Josinei Zemolin, disse que estima em torno de 20 produtores irão de veículo próprio para a manifestação.  “O movimento vai entregar as pautas em apoio ao Presidente. O STF está julgando tudo ao contrário o que o Bolsonaro quer fazer; Então nós, através desse movimento, vamos mostrar que o povo está do lado do Presidente, e é ele que precisa governar e endireitar nosso país”, pontuou.

Também há relatos de comitivas sendo organizadas nos municípios mato-grossenses de Cocalinho, Nova Xavantina, Querência e Barra do Garças. Os participantes do Movimento estarão caracterizados com camisetas, assim como bandeiras, cartazes e faixas de apoio ao Presidente da República.

Por AGRNotícias, com informações de Lavousier Machry e Cely Trevisan.

Deixe uma resposta

Role para cima
%d blogueiros gostam disto: