Ir para o conteúdo

Seguindo a realidade estadual, a área ocupada com algodão na safra 2020/21 na região Nordeste de Mato Grosso (Araguaia/Xingu), que abrange os municípios de Canarana e Querência, terá uma queda de 6,10%, de 36.745 mil hectares para 34.504 mil/há. Os dados são do último levantamento do Imea (Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária), com base em dados da Ampa (Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão).

Já a área na atual safra em Mato Grosso, com plantio praticamente finalizado, deve ser 10% inferior ao ciclo anterior. Conforme o boletim, a área na safra 2020/21 deve ser de 1.012.058 milhão de hectares, contra 1.132.055 mi/há no ciclo anterior, diminuição de 10,60%. O principal motivo para a queda é o atraso na semeadura da soja e, consecutivamente, perda da janela ideal para plantar o algodão.

Algodão; Foto – AGR.

LEIA MAIS – MT Grãos começa a produzir em Água Boa, torta de algodão para engorda de gado

LEIA MAIS – Taji compra área e anuncia instalação de indústria de óleo e torta de algodão em Canarana

Se a área plantada teve uma diminuição brusca, na produção a queda será ainda maior, de 2.123.266 milhões de toneladas para 1.767.451 mi/t, queda de 16,76%. A previsão é que a produtividade caia de 125,10 @/há para 116,51 @/há na atual safra, justamente, tendo o atraso no plantio como o principal motivo.

Por AGRNotícias.

2 comentários

  1. […] LEIA MAIS – Atraso no plantio da soja faz área com algodão cair mais de 6% no Araguaia/Xingu […]

  2. […] Atraso no plantio da soja faz área com algodão cair mais de 6% no Araguaia/Xingu […]

Deixe uma resposta

Role para cima
%d blogueiros gostam disto: